A filantropia de ontem, de hoje e sem amanhã. As entidades filantrópicas na berlinda. De novo!

Foi em dezembro de 2001. A Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas – CMB – promoveu em Brasília o Fórum Nacional “Caminhos para uma nova Filantropia”. O padre José Linhares Ponte, então deputado federal e presidente da CMB, fez constar na carta de boas-vindas ao evento: “As entidades filantrópicas assumem importância…

Veja mais

O administrador hospitalar lascado – De novo!

A Santa Casa sofreu intervenção do município. O prefeito nomeou quatro pessoas como interventores para administrarem o hospital ao longo do tempo em que durou a intromissão, com mandato individual de um ano. Os administradores, cada um no seu tempo, praticaram os atos inerentes à administração, por óbvio, como admissão e demissão de empregados, contratação…

Veja mais

Atue como gestor, perca seu patrimônio e seja preso

Sumário. 1. Introdução. 2. O Brasil brasileiro. 3. A inevitável e desejável evolução do direito administrativo. 4. Quem é o dirigente? 4.1. Atividades do dirigente. 5. A equiparação do gestor privado ao agente público quando há verba pública envolvida. 6. A necessária limitação da ação do gestor diante do cenário jurídico-normativo. 7. Imprescritibilidade de ressarcimento…

Veja mais

O estranho caso do desconvite como palestrante para não gerar constrangimento

Eu não deveria estranhar o desconvite mas, como foi o primeiro da vida, a estranheza se estabeleceu. O defloramento é sempre dolorido e insólito. Fui convidado a palestrar num determinado Tribunal para falar sobre Judicialização abordando a visão do advogado, pois havia juízes, promotores e outras autoridades compondo a mesa multidisciplinar. Como estudo, falo, escrevo…

Veja mais